30 de set de 2014

"Carta aos candidatos"


"Carta aos candidatos"

  Presidente Venceslau, 30/09/2014

  De: Eldoradense

  Para: Os candidatos

  Venho, através desta, manifestar a minha compreensão para com os senhores candidatos, que neste exato momento se "engalfinham" atrás dos votos necessários na reta final do pleito eleitoral com o intuito de se manterem agarrados nas gordas tetas do Poder Público, bem como também compreendo aqueles que vislumbram agarrá-las pela primeira vez.

  Entendo os motivos de tanto ímpeto publicitário, pois os salários ganhos nos mais diferentes cargos políticos são realmente imensos, inversamente proporcionais ao tanto que os senhores trabalham ou pretendem trabalhar. Ou seja: é uma outra forma de dar o "golpe do baú", com a diferença de que nos casamentos por interesse, o golpista precisa aturar seus cônjuges, e neste caso, somos nós é quem temos que aturar os golpistas. Além disso, nos casamentos por interesse, o prejudicado pode pedir o divórcio a qualquer momento, e nós, só daqui quatro anos. Os Senadores são golpistas ainda mais sortudos: nós só podemos nos livrar deles daqui a oito anos!

   Mas vamos ao que interessa: Por mais que os senhores almejem sombra e água fresca, por favor, não sujem meu quintal! Não é justo eu abrir a caixa de correspondências do meu portão, e vê-la transbordando "santinhos" com fotos de gente que de "santo" não tem nada!

 Os senhores já emporcalham os canteiros centrais com seus cavaletes, já pagam uma miséria para que os cabos eleitorais tremulem vossas bandeiras com ânimo digno de piedade, já passam com o carro de som nas alturas, atrapalhando que eu leia, converse ou assista TV. E falando em TV, eu confesso que nada tenho contra a propaganda eleitoral no rádio e na televisão, pois nestes casos específicos, eu tenho a liberdade de desligar os respectivos aparelhos. Por favor, emporcalhem menos! Já não basta toda a sujeira que os senhores produzem no exercício dos seus cargos, fazendo mau uso do dinheiro do povo?

   Enfim, talvez os senhores rasguem minha carta, assim como eu jogo os seus inúmeros santinhos deixados em minha caixa de correspondências no lixo. Mas se por acaso esta carta chegar em vossas mãos, repensem suas estratégias publicitárias: elas afastam mais o eleitor do que conquistam. Obrigado.


* O Eldoradense 

29 de set de 2014

Piada de segunda: "O preparo do frango"


"O preparo do frango"

  Na mesa de um fino restaurante, o cliente chama o garçom e pergunta:

    "Cavalheiro, como vocês preparam este frango grelhado?"

    O garçom imediatamente responde:

    "Sem muita frescura, senhor: pegamos a faca e avisamos que ele vai morrer!"

28 de set de 2014

Vídeo musical de hoje: "Loiras geladas", com o RPM


RPM - "Loiras geladas"

Disfarça e faz
Que nem me viu
Não me ouviu te chamar
Desfaz assim de mim
Que nem se faz
Com qualquer um

Agora eu sei
Passei por cada papel
E rastejei
Tentando entrar no teu céu
Agora eu sei, sei, sei, sei
Passei por cada papel
Me embriaguei
E acordei no bordel

Já sei que um é pouco
Dois é bom e três é demais
E eu fico louco de ciúmes
De um outro rapaz

Agora eu sei
Passei por cada papel
E rastejei
Tentando entrar no teu céu
Agora eu sei, sei, sei
Passei por cada papel
Me embriaguei
E acordei num bordel

Na Madrugada
Na mesa do bar
Ai!
Loiras Geladas
Vem me consolar

Qualquer mulher
É sempre assim
Vocês são todas iguais
Nos enlouquecem
Então se esquecem
Já não querem mais

Agora eu sei
Passei por cada papel
E rastejei
Tentando entrar no teu céu
Agora eu sei, sei, sei
Passei por cada papel
Me embriaguei
E acordei num bordel

Mais! Muito Mais!

26 de set de 2014

Fotografia: "Cataia"


"Cataia"

  Amigos leitores, esta é a "cataia", uma cachaça artesanal feita pela população caiçara, muito presente no litorais sul de São Paulo e Norte do Paraná. A folha, que leva o nome da bebida, é curtida na cachaça artesanal, e esta mistura adquire um gosto similar ao do "uísque", segundo os relatos de quem a produz.

  No início do ano, estive em Cananéia e Ilha Comprida, e confesso que achei aquele lugar inspirador: "bateu uma química", e através desta simbiose com a paisagem do Vale do Ribeira, há pouco mais de um mês, iniciei um projeto pessoal que está me estimulando muito, e que também "roubando" parte do meu tempo. Produzirei cataia? Claro que não. Mas a bebida é um dos elementos culturais bastante presentes naquela região, e está inserida neste meu projeto pessoal, que eu espero que dê certo. O projeto ainda é embrionário, mas modéstia parte, creio que esteja ficando bom. Se der certo, um dia saberão do que se trata. Se não der certo, valeu pela tentativa e pelo sonho. Obrigado ao meu irmão, e ao seu amigo "Alex", que forneceram um exemplar desta iguaria produzida pelos caiçaras do Vale do Ribeira...

  * O Eldoradense 

25 de set de 2014

Declaração de Maluf: "Sou a ficha mais limpa de São Paulo"...



  Com a candidatura barrada pela Justiça Eleitoral com base na Lei da Ficha Limpa, o deputado Paulo Maluf (PP-SP) disse a interlocutores nesta quarta feira que recebeu mais de 60 ligações em seu celular, segundo ele manifestações de solidariedade, "de gente irritada (com a decisão que pode afastá-lo da disputa eleitoral), inclusive de gente importante". "Tenho a consciência que eu sou a ficha mais limpa da cidade de São Paulo", ele disse a um velho conhecido. "Quando ando pela cidade me orgulho das obras que eu fiz". Maluf foi orientado por sua equipe de advogados a não falar com a imprensa até que a situação da candidatura esteja resolvida e todos os recursos, esgotados.

  Ele planeja novas carreatas até as eleições. Nesta quinta-feira, vai às ruas em uma carreata pela região do Brás, na capital paulista, e estima que no próximo dia 5 de outubro poderá repetir a performance das eleições de 2010, quando recebeu quase 500.000 votos. "Perdi para o Tiririca", comentou com um outro conhecido. "Pelas ruas de São Paulo onde passo em carreata eu vejo a gratidão por tudo o que está acontecendo no Brasil, o pessoal reconhece hoje que quem trabalhou muito por São Paulo foi Paulo Maluf."
A um outro interlocutor ele demonstra inconformismo com o fato de ter sido condenado por improbidade. "Esse túnel (Ayrton Senna) tem mais de 18 anos, passa debaixo do lago do Ibirapuera e nunca caiu uma única gota. Devo me arrepender de ter construído?" Fonte: Veja.com    * Para visualizar a imagem em tamanho original, clique sobre a mesma.

24 de set de 2014

As pesquisas recentes para Presidência da República demonstram que o julgamento popular é favorável a Lula contra FHC





  Quando o assunto é política nacional, um debate sempre vem à tona: Quem foi melhor, Lula ou FHC? Os tucanos e anti-petistas logicamente responderão que foi o ex-Presidente da República pelo PSDB, enquanto os petistas mais convictos responderão que Lula foi o melhor.

  Particularmente, creio que ambos venceram alguns desafios: FHC proporcionou a estabilidade da moeda, enquanto Lula, trouxe crescimento econômico ao país e geração de empregos. Quanto à corrupção, ambos se assemelham: o tucano obteve êxito ao conseguir engavetar as investigações sobre a votação da emenda da reeleição no Congresso Nacional, bem como das irregularidades no processo de privatizações de empresas públicas, e o governo de Lula foi mergulhado no escândalo do mensalão. Como eu sempre defendi a plataforma do crescimento econômico aliado ao desenvolvimento social, minha opinião tende à favorecer Lula, e eu não faço questão alguma de negar isso, pois sempre admiti minhas convicções e respeitei as convicções alheias.

 Mas independente ao que penso, concluo meu raciocínio lembrando que as duas candidatas que hoje lideram a corrida presidencial, fizeram parte do Ministério de Lula, enquanto o candidato defendido por FHC hoje é terceiro colocado nas pesquisas, a aparentemente, ficará fora do segundo turno.

  Baseando-se nisso, não há dúvidas que o julgamento popular responde a esse debate que perdura há anos: para o povo brasileiro, Lula foi melhor que FHC, haja vista que ambos têm dois mandatos presidenciais; porém Lula fez sua sucessora e duas de suas ex-ministras têm tudo para irem ao segundo turno das eleições 2014. E contra números, não há argumentos...


* O Eldoradense

23 de set de 2014

Comentário sobre o livro "Quanto vale uma ilusão?"




  Amigos leitores, ontem terminei a leitura do livro "Quanto vale uma ilusão?" da escritora venceslauense Arlinda Garcia de Oliveira Marques. Havia feito uma promessa pessoal que faria a leitura poucos dias após o lançamento da obra literária, realizado no último dia 11/09, no Anfiteatro da Biblioteca Pública Municipal de Presidente Venceslau; porém, no dia posterior, fiz uma viagem até Aparecida, e lá acabei adquirindo outro livro: "A história de Aparecida - A imagem, o Santuário e as Romarias - escrito por Júlio Brustoloni.

  Ao chegar de viagem, fiz  primeiramente a leitura do livro sobre a História de Aparecida, terminando-a em uma semana. No dia seguinte ao término do primeiro livro, iniciei a leitura de "Quanto vale uma ilusão?", encerrando-a em três dias.

  Como há menos de um mês eu havia lido "Lila", escrito também pela Srª Arlinda Garcia, fica inevitável traçar um paralelo entre as duas protagonistas das obras assinadas pela brilhante escritora venceslauense: "Lila" é perfeita, buscando seus sonhos e alcançando-os praticamente sem margem para erros. Já Denise, do livro "Quanto vale uma ilusão?" também é determinada na busca dos seus objetivos, mas é mais humana, mais passional, mais emotiva. Gostei das duas obras, mas Denise prendeu mais minha atenção exatamente por ser tão humana, mais suscetível aos tropeços da vida. Narrativa simples e que promove reflexões sobre a vida conjugal, prendendo as atenções do leitor desde a primeira página. O final? Não digo, pois o suspense é o melhor tempero para se "degustar" um livro. Enfim,  mais uma bela obra literária, fruto da parceria entre a escritora Arlinda Marques e a editora Nicolly Bueno; parceria esta que pelo visto, está em plena sintonia e alcançando grande sucesso.

                                           * O Eldoradense 

22 de set de 2014

Piada de segunda: "Presente de fim de ano"


"Presente de fim de ano"

  O menino era um tremendo de um mau aluno na escola, e vivia de recuperação. Ao fim do ano letivo, indagou o pai:

    "Papai, o senhor lembra que me prometeu dar um bicicleta caso eu passasse de ano na escola?"

   "Sim, filho! Eu darei a bicicleta com o maior prazer!"

   "Pois é, papai! Eu sou um filho tão bom que consegui fazer com que o senhor economizasse essa grana..." 

21 de set de 2014

Clipe de hoje: "Na rua, na chuva, na fazenda", com o a banda Kid Abelha


"Na rua, na chuva, na fazenda"

Não estou disposto
A esquecer seu rosto de vez
E acho que é tão normal
Dizem que eu sou louco
Por eu ter um gosto assim
Gostar de quem não gosta de mim

Jogue suas mãos para o céu
Agradeça se acaso tiver
Alguém que você gostaria que
Estivesse sempre com você
Na rua, na chuva, na fazenda
Ou numa casinha de sapê

Não estou disposto
A esquecer seu rosto de vez
E acho que é tão normal
Dizem que soy loco
Por eu ter um gosto assim
Gostar de quem não gosta de mim

Jogue suas mãos para o céu
Agradeça se acaso tiver
Alguém que você gostaria que
Estivesse sempre com você
Na rua, na chuva, na fazenda
Ou numa casinha de sapê...


19 de set de 2014

Ainda sobre Willian Wallace e a possível "não emancipação" da Escócia...




  Parece maluquice minha, mas eu ainda não engoli esta história do povo escocês votar pelo "não" no plebiscito que decidiria a separação da Escócia com relação ao Reino Unido. A luta de Willian Wallace parece mesmo ter sido em vão, já que as primeiras urnas foram apuradas, indicando 58% dos votos contrários à independência.

  Repito: o mártir da independência escocesa deve ter se sentido abandonado pelo seu povo, e nada mais didático que este vídeo do canal "Porta dos Fundos" para ilustrar esta situação de abandono. Confira, pois é muito engraçado....

18 de set de 2014

Escócia não quer se separar da Grã Bretanha: Willian Wallace deve estar "P da vida" com o seu povo!


No filme "Coração Valente", Mel Gibson interpretou Willian Wallace, líder revolucionário escocês




    Amigos leitores, um dos melhores filmes que assisti em minha vida foi "Coração Valente", que narrou a trajetória do líder revolucionário escocês Willian Wallace contra a dominação inglesa imposta pelo rei Eduardo I. A partir deste filme, sempre tive a idéia de que o povo escocês almejasse emancipar-se do Reino Unido, e que a independência da Escócia fosse um sonho que estivesse no inconsciente coletivo dos escoceses. Pois bem: aparentemente, eu estava enganado!

  Após 307 anos agregados aos ingleses, os escoceses estão votando hoje, através de um plebiscito, se desejam  tornar independentes do Reino Unido ou não. Pelo que diz as pesquisas recentes, há um empate técnico entre o "sim" e o "não", com leve vantagem para os que são contrários à independência escocesa.

   Ao se confirmarem os resultados, imagino como o revolucionário Willian Wallace - uma espécie de Tiradentes que bebia uísque e trajava saias - deva estar se sentindo: deve estar "P da vida" com o seu povo, lá do além! Assim como Tiradentes, Willian Wallace não teve um destino muito feliz na defesa dos seus ideais: após ter sido capturado, foi enforcado, amarrado a uma mesa, estripado, castrado e decapitado pelos ingleses. Após este "tratamento VIP", seu corpo finalmente foi queimado.

  Quer dizer: Willian Wallace se estrepou à toa. Lutou até à morte para que seu país fosse independente, e finalmente quando há a chance de que isso ocorra através de um plebiscito, os escoceses poderão optar pelo "não". Confesso que não entendi patavinas! Você entendeu?

* O Eldoradense   

17 de set de 2014

Alfinetada: Será que o voto dos paulistas é tão qualificado assim como muitos de nós afirmamos com tanta convicção?

Tiririca e Maluf sendo diplomados na Câmara dos Deputados, em Brasília

    Ouço muita gente dizer que o "voto paulista" é o mais qualificado do país, por São Paulo ser o estado mais rico, mais industrializado e mais desenvolvido do Brasil e por aí vai. Que São Paulo é a província mais pujante do país, não tenho dúvidas disso, seria estupidez discordar ou questionar tal informação.

 Mas será que a qualidade do nosso voto difere mesmo tanto assim do restante do país? Em recente pesquisa IBOPE especulando as intenções de voto para Deputado Federal por São Paulo, os resultados foram estes:

   1º Tiririca (PR)
   2º Maluf   (PP)

 Não tive acesso aos números percentuais da pesquisa, mas independente disso, novamente pergunto: Nós, paulistas, votamos tão melhor que os outros assim? Analisem a pesquisa para Deputado Federal e tirem suas próprias conclusões...

* O Eldoradense

16 de set de 2014

A história de Nossa Senhora Conceição Aparecida: A imagem, o Santuário e as Romarias




  Amigos leitores, ontem de madrugada cheguei de minha sexta viagem até Aparecida, no Vale do Paraíba, interior do Estado de São Paulo. Esta peregrinação foi especial, pois em 1984 fui até lá pela primeira vez, acompanhado dos meus pais e do meu irmão. Portanto, esta minha primeira visita ao Santuário já completou trinta anos, e ao caminhar pelas ruas íngremes do lugar, por várias vezes flagrei-me lembrando daquela ocasião especial, em que fui apresentado à "mãezinha".

   Aparecida tem uma atmosfera linda de fé em seu entorno, fruto dos propósitos de cada um dos romeiros que visitam a cidade; cada um com sua história, seu voto, seu milagre. Ainda que eu não seja um frequentador regular das missas e possa me enquadrar na lista dos "católicos não praticantes", admito que toda vez que me deparo diante à imagem de Nossa Senhora Aparecida, me emociono a ponto das lágrimas rolarem dos meus olhos. É uma emoção indescritível, que transcende a qualquer explicação plausível. 

  Digo intimamente a alguns amigos que eu até tenho o direito de questionar algumas particularidades da religião católica, mas não tenho razão alguma para questionar os milagres de Nossa Senhora Aparecida. Falo isso porque se aqui hoje estou, devo minha existência a uma promessa feita pelo meu falecido pai à Santa, que intercedendo junto a Jesus Cristo, permitiu com que eu esteja aqui digitando estas palavras. 

  Finalizando o comentário sobre a recente viagem, adquiri um livro muito bom, de autoria do Padre Júlio João Brustolini, intitulado "História de Nossa Senhora Conceição Aparecida: A imagem, o Santuário e as Romarias". Recomendo a leitura exatamente porque, apesar da obra ter sido escrita por um padre, o autor expõe uma visão científica sobre o fenômeno religioso que envolve à devoção à Nossa Senhora, fazendo seus relatos baseando-se em entrevistas com romeiros, documentos religiosos e relíquias noticiosas de jornais de séculos passados. Sendo assim, o livro preocupa-se muito em não enveredar para o caminho das narrativas informais, que através de algum exagero ou ingenuidade, poderiam comprometer a veracidade ou autenticidade dos fatos. 

 Leitura que recomendo para católicos e não católicos, pois extrapola o viés exclusivamente religioso, abrangendo também as temáticas históricas, políticas e sociais da região do Vale do Paraíba, bem como do crescimento do Santuário de Aparecida a partir do achado da imagem, em 1717. Vale a pena conferir.


* O Eldoradense

15 de set de 2014

Piada de segunda: "Tentando impressionar"


"Tentando impressionar"

  Em uma academia, o sujeito, além de ser um sessentão, estava bem fora de forma, mas tentando seduzir uma moça novinha, pergunta ao instrutor:

   "Ei, me diz que aparelho eu posso usar para tentar impressionar aquela moça?"

  O instrutor, sabiamente responde:

   "Lá na recepção tem um caixa eletrônico. Se o senhor estiver com uma boa grana na conta, talvez a impressione..."

14 de set de 2014

Vídeo musical de hoje: "Saudade", com Chrystian e Ralf


"Saudade" - Chrystian e Ralf

Você sempre fez os meus sonhos
Sempre soube do meu segredo
Isso já faz muito tempo

Eu nem me lembro quanto tempo faz
O meu coração não sabe contar os dias
A minha cabeça já está tão vazia
Mas a primeira vez
Ainda me lembro bem

Talvez eu seja no passado mais uma página
Que foi do seu, diário arrancada

Sonho, choro e sinto
Que resta alguma esperança
Saudade, quero arrancar essa página
Da minha vida...

11 de set de 2014

Destaque a um comentário realizado por um leitor anônimo...




  Fica o registro elogioso a um comentário anônimo, feito na postagem "Derrota", em "Pensamentos do Eldoradense", que analisando as peças de xadrez contidas na imagem acima do referido post, escreveu:
   

   "Ao término do jogo, rei e peão voltam para a mesma caixa"

   Não sei se a frase foi retirada de algum livro ou foi fruto da ideia do próprio leitor, mas devo dizer que sua mensagem foi bastante sábia, didática e filosófica. A verdade é que ao fim da vida, todos nós, sem distinção de classe, temos um mesmo destino, talvez com o intuito de dizer que segundo as leis divinas, todos somos iguais de fato, ao contrário do que acontece com as leis humanas...

* O Eldoradense  

10 de set de 2014

Resultado da enquete: Em quem você vota para Presidente da República? Confira.




  Amigos leitores e eleitores do blog, hoje, ao meio-dia foi encerrada a votação da enquete que perguntou: "Em quem você vota para Presidente da República?". O resultado apresentou os seguintes números:

    1º Aécio Neves (PSDB) / Marina Silva (PSB) - 7 votos cada um, com aproximadamente 33% da preferência dos leitores.

    2 º Dilma Roussef (PT) - 6 votos, com aproximadamente 28% da preferência dos leitores.

    3º Pastor Everaldo (PSC) - 1 voto, com aproximadamente 4% da preferência dos leitores.

     Obs: A enquete durou 20 dias, e infelizmente teve pouca adesão: apenas 21 leitores participaram, sendo que não foi registrado nenhum voto branco/nulo. Apesar da pouca adesão, considero positivo o levantamento, e agradeço a participação de todos, respeitando a opinião e o voto de cada um. Obrigado!

* O Eldoradense

9 de set de 2014

Comentário: A vergonha do "Petrolão" e seu possível impacto na corrida presidencial...




  Caros leitores, mais uma vez estamos diante de uma manchete vergonhosa sobre corrupção na política, digna de manchetes policiais. Trata-se do chamado "Petrolão", um esquema de corrupção liderado pelo PT, que através da institucionalização política da Petrobrás, pagou propina a vários políticos - inclusive, supostamente três governadores- beneficiando partidos aliados, mais uma vez, sob o pretexto de se manter a tal "governabilidade".

   A delação premiada de Paulo Roberto Costa poderá trazer muitas revelações, que segundo ele próprio, eram dignas de "suspender as eleições brasileiras". Exageros à parte, mesmo porque o trâmite das investigações deverá ser longo, e até virar julgamento e condenação levam-se anos, (como no caso do mensalão), é fato que alguns pontos vêm à tona:

  1) Até que ponto o escândalo poderá interferir, de fato, nas intenções de voto do brasileiro?

   2) Será que um escândalo de tamanho rombo aos cofres da estatal - estima-se R$ 3,4 bi em propinas- não reacende o velho debate das privatizações, com o intuito de defender empresas públicas de manipulações partidárias corruptas?

  3) O debate dos presidenciáveis perderá ainda mais as projeções de futuro e se limitarão às sujeiras dos seus respectivos partidos, numa troca de acusações onde vão tentar convencer o eleitor de qual sigla é a menos corrupta?

   O PT de Dilma Roussef amarga escândalos como do "Mensalão" e do "Petrolão", enquanto o PSDB de Aécio Neves está supostamente envolvido com o escândalo do "Trensalão" em São Paulo e o "Mensalão mineiro de Eduardo Azeredo". Excluo da lista tucana as supostas irregularidades ocorridas na privatização da Vale do Rio Doce, bem como no processo da emenda de reeleição de FHC, que são episódios antigos. Se Marina Silva gozava de certo conforto até agora, o PSB começa a ter problemas na explicação sobre a origem do dinheiro da compra do avião que prestava serviços para Eduardo Campos, bem como também seu suposto envolvimento com o "Petrolão", onde o ex-governador  pernambucano teria recebido propinas do esquema. 

  É, amigo leitor, (e eleitor). Se para a escolha do voto formos usar os critérios e honestidade e moralidade, admito que fica difícil escolher alguém. Mas particularmente, eu sou contrário ao voto nulo e branco, e defendo a tese de que se escolha o "menos ruim", em nome da democracia. 

   Encerro dizendo que é uma pena uma empresa do tamanho e da importância estratégica energética nacional como é a Petrobrás ser vítima da ladroeira político-partidária. Até algum tempo atrás, eu sempre fui contrário à privatização de uma estatal tão importante, mas para o próprio bem da empresa, creio que transferir sua gestão ao capital privado seja mesmo melhor solução para livrá-la das más, ineficientes e corruptas administrações públicas.


* O Eldoradense

8 de set de 2014

Piada de segunda: "Olha a mangueira aí, gente!!!"


"Olha a mangueira aí, gente!"

  Era um domingo à tarde naquela cidade do interior, onde acontecia uma grande procissão, em que a multidão carregava uma santa sobre o andor verde e rosa. Ao passar em frente ao boteco, o bêbado grita:

   "Olha a mangueira aí, gente!"

   O padre, irritadíssimo, adverte o bêbado:

   "Seu excomungado! Cala a sua boca e respeita a santa!"

  Poucos metros adiante, a imagem da santa tromba em um galho de mangueira, cai e se quebra no chão. O bêbado, então gritou:

    "Eu não avistei para vocês tomarem cuidado com a mangueira!?"

7 de set de 2014

Clipe internacional de hoje: "Down Under", com Men At Work!


"Down Under" - Men At Work

Viajando numa Kombi acabada...
Numa trilha hippie, a cabeça cheia de maconha
Conheci uma mulher estranha que me deixou nervoso
Ela me acolheu e me deu café da manhã
E ela disse

"Você vem de uma terra lá embaixo
Onde as mulheres brilham e os homens roubam
Você não ouve, você não ouve o trovão
É melhor você correr, é melhor achar abrigo. "

Comprando pão de um homem em Bruxelas
Ele tinha 1,95m e era cheio de músculos
Eu disse, "Você fala minha língua? "
Ele só sorriu e me deu um sanduíche de Vegemite
E ele disse

"Eu venho de uma terra lá embaixo
Onde a cerveja flui e os homens vomitam
Você não ouve, você não ouve o trovão
É melhor você correr, é melhor achar abrigo. "

Deitado em uma toca em Bombay
De queixo caido, sem muito o que dizer
Eu disse pro homem, "Você está me tentando
Porque eu venho de uma terra de fartura? "
E ele disse

"Oh! Você vem de uma terra lá embaixo
Onde as mulheres brilham e os homens roubam
Você não ouve, você não ouve o trovão
É melhor você correr, é melhor achar abrigo. "

6 de set de 2014

"Feira do livro" em Presidente Venceslau: um evento muito interessante!



   Hoje pela manhã tive o prazer de prestigiar, por alguns minutos, a I "Feira do livro" de Presidente Venceslau, que está acontecendo desde a manhã do último dia quatro e que se encerra hoje, ao final da tarde, mais precisamente às 18 horas. Gostei muito do que vi: estrutura confortável, variedade de  livros infantis e adultos, bem como os trabalhos de autores locais. Para os que apreciam leitura, é um deleite, pois havia  carência de eventos desta natureza em nossa cidade. Os preços dos livros são acessíveis, e as compras podem ser realizadas através da comodidade das transações dos cartões de débito e crédito.

 Houve durante estes dias mais do que exposição e comercialização de livros: atrações como "teatro de sombras e circo", "ludicidade", "contação de histórias", "artesanato" além exibições do "Conservatório Municipal". Também há uma praça de alimentação comercializando quitutes para diferentes gostos. Um evento inovador, que tomara que se repita em edições futuras, pois educação e cultura são pilares sólidos na construção de uma sociedade melhor e mais justa. Comprei um exemplar infantil para meu sobrinho e também o livro "Lila", da escritora venceslauense Arlinda Garcia de Oliveira Marques. Sinceros parabéns aos organizadores!

* O Eldoradense
  

Poema: "Quem dera"


"Quem dera"

Que o pão estivesse em todas as mesas,
e que o sorriso fosse viral;
Que diminuíssem as tristezas,
e que o bem sufocasse o mal!

Que houvesse água para todos os sedentos,
e que não existisse sede de vingança;
Que caíssem lágrimas em poucos momentos,
mas que prevalecesse a esperança!

Que criassem só livros e nenhuma arma,
e que não surgissem os vilões;
Que tudo fosse calma, e não carma,
e que escolas abortassem prisões!

Que  todo artilheiro fosse só  goleador,
e que apenas as paixões fuzilassem;
Que toda dor fosse só de amor,
e que as guerras acabassem!

Que toda diferença fosse respeitada;
e que nós vivêssemos em harmonia;
Que a paz fosse alcançada,
e não fosse só Utopia!


* O Eldoradense


Fotografia: Nuvens lindas desta manhã de sábado!



   Céu azul claro incrementado com espumas de brilho reluzente tocadas pelos primeiros raios solares deste sábado: ilusão de ótica interessante, sugerindo que a beleza do oceano pudesse ser cúmplice do interiorano horizonte venceslauense. 
  * Para ver a imagem em tamanho original, clique sobre a mesma.

5 de set de 2014

Alfinetada: Aécio Neves quer conversar. O problema é que ninguém quer ouvi-lo, nem mesmo em Minas!


  Definitivamente, a eleição presidencial de 2014 parece que deverá ser riscada do calendário do PSDB: até mesmo em Minas Gerais, hipotético reduto eleitoral de Aécio Neves, o tucano amarga o terceiro lugar na pesquisa Datafolha. Entre os mineiros, Dilma tem 35%, Marina Silva 27% e o "lanterninha" Aécio Neves 22%. A partir destes números, deixo dois provérbios conhecidíssimos para que o amigo leitor reflita: 

   "Santo de casa não faz milagre"

   " Quem não lhe conhece que te compre"

  Aécio Neves diz na sua campanha que quer conversar. O problema é que ninguém quer ouvi-lo! Por que será?

* O Eldoradense