2 de ago de 2015

Poema: "Lua"

   A noite desta madrugada foi agraciada com um luar indescritível, digno de uma poesia...




"Lua"

Companheira dos apaixonados,
Onde Ogum fez morada;
Musa dos poetas inspirados,
Grande hóstia prateada!

Lamparina dos sertanejos,
És o túmulo do dragão;
Testemunha de tantos beijos,
E o Sol é teu irmão!

Feiticeira do lobisomem,
Destino do astronauta;
Exerce fascínio sobre o homem,
Faz da maré baixa, maré alta!

Satélite natural,
Linda galega nua;
Pérola espacial,
Também chamada de Lua...


* O Eldoradense

2 comentários:

  1. A lua estava linda mesmo e a poesia também é linda... abraços!!!

    ResponderExcluir
  2. Linda poesia , parabéns! Beijos Ellen

    ResponderExcluir