28 de out de 2016

Com Aécio e Serra na mira da Lava Jato, Alckmin pode decolar no PSDB...




  Abri hoje o site da Folha de São Paulo e li que em delação premiada, um dos executivos da Odebrecht disse que a campanha presidencial de 2010 de José Serra recebeu dinheiro da empresa via caixa 2. Com o Aécio mais sujo que pau de galinheiro tendo seu nome citado nos escândalos de Furnas e também na Operação Lava Jato, Geraldo Alckmin parece ganhar força dentro do PSDB mirando a candidatura presidencial em 2018. Mesmo com a sujeirada tucana nas obras do metrô de São Paulo, o governador paulista ainda mantém sua imagem aparentemente intacta, o que facilita seu voo com destino ao Palácio do Planalto. Isso, é claro, se nenhuma "surpresa" acontecer até lá...


* O Eldoradense


Nenhum comentário:

Postar um comentário