4 de mai de 2015

Piada de segunda: "A morte do porco"


"A morte do porco"

   No sítio, o cavalo passa pelo porco, que tira sarro no equino...

   "Isso é que é vida! Ficar deitado aqui no chiqueiro recebendo comida, enquanto você trabalha..."

    O cavalo, então responde:

   "Eu queria ter a sua vida! Trabalho todos os dias..."

    O porco, todo solidário, dá a dica:

   "Finja que está mancando...aí o fazendeiro vai poupá-lo!"

    No dia seguinte, o cavalo seguiu a dica do suíno, e então, o dono do sítio resolveu tirar folga. A esposa do sitiante, então aconselhou:

    "Já que você está de folga hoje, aproveita para matar o porco!"

Um comentário:

  1. Anônimo15:28

    Numa festa popular, começou a música e o bêbado se levantou:
    - A madame me dá o prazer desta dança?
    - Não!
    - Mas por que não?
    - Primeiro, porque o senhor está bêbado; segundo, porque não se dança o Hino Nacional; e terceiro, porque eu não sou mulher, eu sou o vigário da paróquia.

    ResponderExcluir